Jornada Dupla

O Hotel Urbano motiva funcionários com ambiente descontraído, acesso às mais novas tecnologias e prêmios em dinheiro para levar a experiência das viagens à sua própria equipe

Foto: Felipe Varanda/Isto É

Enquanto nas noites de sexta-feira os bares, restaurantes e calçadões do Rio de Janeiro estão lotados, uma cena se repete na sede do Hotel Urbano, na Barra da Tijuca. Num mezanino que cobre metade do escritório de 2 mil metros quadrados sem paredes, um grupo de funcionários se reúne para horas extras dedicadas a um campeonato de futebol de mesa (ou simplesmente “totó”, no Rio). “As mulheres de vocês vão me matar”, diz Roberta Antunes, presidente e cofundadora da empresa. A chamada área de descompressão é o lugar preferido dos funcionários, com média de idade de 27 anos – ali há também mesa de sinuca, mesa de pingue-pongue e videogame, além de um espaço para comer.

A satisfação da equipe tem resultado direto na performance comercial do Hotel Urbano. Há pouco mais de três anos, só cinco pessoas trabalhavam para o site que vende pacotes de viagens a preços promocionais. Hoje são 650 e um contingente de mais 18 milhões de usuários cadastrados e 11 milhões de fãs no Facebook. Como parte da política de retenção de talentos, a cada mês todos os funcionários recebem R$ 60 de crédito, independentemente de cargo e salário, para serem gastos no site em qualquer período. Ao final de um ano, eles têm saldo suficiente para viajar, por exemplo, para a Argentina.

Na área de tecnologia, o site mantém projetos com empresas inovadoras. No processo atual de mudanças no banco de dados, uma parceria foi firmada com o Facebook. “Tenho total interesse em juntar meu time com o deles e promover uma cultura de troca para desenvolver novas ferramentas”, diz Roberta.

A meritocracia está no centro da gestão de recursos humanos. O Hotel Urbano oferece planos de carreira, desde a central de relacionamento até a diretoria, treina regularmente gestores e bonifica por desempenho. Como o crescimento da empresa, que pretende movimentar mais de R$ 800 milhões neste ano, depende dos ventos favoráveis do setor turístico, provocar um impacto positivo nos parceiros (hotéis, principalmente) é fundamental para a saúde dos negócios. No topo das preocupações da equipe do Hotel Urbano está o acompanhamento das viagens dos clientes. Nisso entram estudos de demanda, pesquisas de satisfação, sugestões de melhorias e treinamentos para os estabelecimentos. “Assim, todo mundo cresce junto”, afirma a presidente.

* Matéria originalmente publicada na revista Isto É, ed. 2344.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s