Brasileiros desenvolvem dispositivo para examinar retina com smartphone

O Smart Retinal Camera irá custar cerca de dez vezes menos que um retinógrafo de mesa

Três brasileiros, ex-alunos da Universidade de São Paulo, desenvolveram um protótipo de um equipamento que realiza exames de retina por meio de um smartphone. O invento tem como objetivo detectar lesões nos olhos e funcionar exatamente como um retinógrafo, aparelho utilizado pelos médicos que registra imagens da retina para diagnosticar esse tipo de lesões. Reduzir em dez vezes o gasto com o equipamento é a principal missão dos inventores. “Um equipamento padrão pode chegar a R$ 70 mil ou R$ 80 mil”, afirma José Augusto Stuchi, engenheiro de computação e um dos criadores.

O trio de brasileiros que desenvolveu o protótipo irá disputar a final da competição de inovação, Falling Walls Lab, na Alemanha no próximo mês.  Os brasileiros que participaram da edição nacional em setembro, reunindo 94 diferentes projetos com soluções inovadoras de diversas áreas, se destacaram e agora se preparam para apresentar o protótipo na final mundial da competição que reúne cerca de 99 concorrentes de outros países.

Segundo seus criadores, que realizaram apenas testes em um olho mecânico, a previsão é que o Smart Retinal Camera esteja no mercado até 2018, todavia, o grupo avalia a possibilidade de obter uma autorização da ANVISA para ampliar seus experimentos, enquanto prosseguem com aqueles nas universidades.

Fonte: Folha de São Paulo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s