Intraempreendedorismo como identificar?

Além de empreender, o dono do negócio precisa desenvolver uma cultura interna que estimule o diferencial de seus colaboradores

Já faz algum tempo que ouvimos falar muito sobre empreendedorismo.  Essa palavra, ou melhor, essa atitude, mudou os pensamentos, os atos e, principalmente, a forma de se reinventar mediante as mudanças bruscas do mercado.  Para quem ainda não sabe, empreendedorismo significa: coordenar e realizar projetos, iniciativa de implantar novos negócios, gerenciamento que envolve inovação e riscos. Produzir e colaborar com o desenvolvimento econômico, com objetivo de transformar recursos em negócios lucrativos.

Você deve estar se perguntando, transformação e riscos? Sim, toda mudança ou implementação está sujeita a passar por situações, às vezes, não muito positivas. Mas o colaborador que tem o espírito empreendedor que possui este perfil, sabe que isso faz parte do processo. É ai que entra o intraempreendedorismo.

Considerado como uma cultura e uma estratégia, ou seja, o principal objetivo é estimular a atividade empreendedora. Os colaboradores passam de executantes, como desenvolvedores de ideias e projetos, tornando-se quase como “sócios da empresa”, demostrando todo seu talento, fidelizando e motivando a todos da organização.

Esse posicionamento traz muitas vantagens para as empresas, pois no mundo atual com uma forte competitividade, trazer uma renovação unindo criatividade e uma cultura empreendedora só abrirá portas para o estímulo, crescimento e sucesso.

Para Marcelo Henrique, CTO da startup Attitude Empreendedora, um colaborador que sabe que sucesso é muito mais do que ter e sim realizar, só enriquece o trabalho do profissional como um todo.  “Quando você determina aonde você quer chegar, você consegue ter, não só o sucesso, você consegue realizar coisas. Perenidade, fazer sentido, ajudar as outras empresas é o nosso pensamento de sucesso”, comenta, Henrique.

De acordo com o psicólogo americano David C. McClelland, da Universidade de Harvard, existem 10 caraterísticas que enfatizam um perfil intraempreendedor:

  1. A iniciativa na busca de oportunidades;
  2. Capacidade de correr riscos;
  3. Persistência;
  4. Comprometimento;
  5. Objetividade no estabelecimento de metas;
  6. Capacidade para buscar e valorizar as informações;
  7. Persuasão e rede de contatos;
  8. Independência e autoconfiança;
  9. Exigência na qualidade;
  10. Eficiência.

A construção de um colaborador como este, é possível, sendo preciso que as organizações também tenham essa cultura, pois nem sempre é possível encontrar as 10 caraterísticas em uma pessoa só. É necessário estimular os colaboradores a desenvolverem este perfil. As empresas que permitem o surgimento desses profissionais tendem a ganhar em produtividade, confiança, incentivo a criatividade e inovação pessoal e profissional.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s