Autor: InteligenciaInovacao

Startup brasileira quer desenvolver moradia social com impressão 3D

A inovação para o desenvolvimento de moradia social é o foco da startup brasileira Urban 3D. Além de trabalhar em conjunto com governos e prefeituras, a empresa quer contribuir não somente para centros urbanos, mas também para regiões onde a urbanização ainda não se desenvolveu. O diferencial da empresa é o desenvolvimento de materiais e softwares para uma impressora 3D. A impressão 3D é um processo que tende a ser bem mais barato e usar menos mão de obra, além de não desperdiçar material. Para Anielle Guedes, fundadora da Urban 3D, é muito importante aliar tecnologia a sustentabilidade. A empresa conta com apoio de empresas de diferentes países para produzir tecnologia e inteligência para esse processo. A intenção da empresa é focar em regiões que ainda não foram ocupadas, trabalhando-as para construir moradias sociais em até 15 anos. O desafio é conseguir capital rapidamente, já que as empresas brasileiras ainda oferecem muita resistência a novos métodos na área de...

Leia Mais

Programa Minas Digital quer incentivar desenvolvimento tecnológico em MG

O governo de Minas Gerais deu início ao Programa Minas Digital, como uma iniciativa para investimento privados e públicos para o desenvolvimento tecnológico. O secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Miguel Corrêa Junior, reforçou a importância da atuação de startups e incubadoras de empresas digitais no mercado atual. A proposta do programa é formar até 100 mil alunos por ano em áreas como programação, análise de mídias sociais e produção de jogos e apps. Os estudantes devem receber bolsas de até R$ 3 mil para desenvolver seu produto e instalar sua empresa no estado. O projeto contará com apoio de 150 unidades das Universidades Abertas Integradas (UAITECs), além de 20 HUBs que serão instaladas para integrar esses espaços de formação a incubadoras de empresas. Serão oferecidos cursos técnicos, além de graduação e pós-graduação. Dos projetos de startups, serão primeiramente selecionadas 600 empresas de todo o estado. Em uma segunda fase, 30 empresas serão selecionadas por uma banca, para...

Leia Mais

FIAP adota projeto de startup como trabalho de conclusão de curso

Novas formas de pensar negócios podem ser estimuladas em diferentes ambientes. E por que não no ambiente acadêmico? A Fiap, Faculdade de Informática e Administração Paulista, aboliu a monografia como trabalho de conclusão de curso para alunos de graduação e MBA. Os formandos devem agora desenvolver um plano de negócio para a startup que criaram durante as aulas. A iniciativa começou a ser aplicada em 2013 nos cursos de MBA e agora foi também instituída para os cursos de graduação. Os melhores projetos apresentados podem ser encaminhados a investidores e aceleradoras para receber investimento. Além disso, as equipes ganham um curso na Babson College, escola em Massachusetts entre as mais reconhecidas do mundo na área de empreendedorismo. Para o desenvolvimento do projeto, os alunos utilizam técnicas de planejamento e inovação como Business Model Canvas e Lean Startup, além de participarem de um programa da faculdade chamado Startup One. A banca de TCC é substituída por um pitch, uma apresentação...

Leia Mais

La Pasta Gialla: alta gastronomia ao alcance de todos

Para Cláudio Bezerra, diretor de marketing da rede de restaurantes, sucesso da marca está na união da tradição gastronômica a preços acessíveis e uso de novas ferramentas de divulgação Já há alguns anos, o mercado gastronômico brasileiro vem se expandindo, ganhando cada vez mais espaço para atender de forma diversificada um público curioso e exigente. Os restaurantes de renomados chefs atravessaram gerações de clientes seletos, para então atingir pessoas mais jovens, que se interessam pela boa gastronomia e valorizam momentos compartilhados com os amigos e a família em lugares bem frequentados. No último ano, o mercado de restaurantes no Brasil movimentou R$ 132,5 bilhões, segundo dados da Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação. Atuando desde 2001, a rede La Pasta Gialla acompanhou de perto essa mudança de mercado. Cláudio Bezerra, diretor de marketing da rede há quatro anos, aponta esse crescimento do público em relação à gastronomia como o ponto forte para que hoje a marca esteja melhor posicionada....

Leia Mais

Chip biosensor é capaz de captar dados da saúde do usuário em tempo real

As inovações tecnológicas chegam a nós para facilitar atividades e ações de nosso dia a dia. Já imaginou poder checar informações sobre sua saúde sem precisar ir ao médico ou realizar exames? Essa ideia foi trabalhada e desenvolvida por pesquisadores da Escola Politécnica Federal de Lausana até chegar ao resultado final: um chip. O chip biosensor é composto por diferentes sensores, uma unidade de análise de dados, além de um transmissor Bluetooth para enviar as informações ao smartphone do usuário e pode ser implantado debaixo da pele para monitorar dados da saúde do usuário, como a temperatura, taxa de glicose, colesterol e a presença de alguns medicamentos. Além disso, a precisão nos resultados captados a partir do chip é muito maior do que a de um exame de sangue, por exemplo, em que os dados são medidos pontualmente. A tecnologia já foi testada em ratos e espera-se que seja testada em humanos em até cinco anos. Já...

Leia Mais