Autor: InteligenciaInovacao

Tecnologia 5G pode dificultar algumas investigações criminais

As forças policiais europeias estão preocupadas com a tecnologia 5G. De acordo com a Europol (Agência da União Europeia para Cooperação Policial) a quinta geração da telefonia móvel pode dificultar investigações criminais. Os responsáveis pela segurança da região não estão convencidos de que poderão rastrear suspeitos de maneira efetiva quando a “super internet” estiver sendo usada comercialmente. O 5G estreou em maio no Reino Unido e já funciona na Coreia do Sul e em algumas partes dos EUA desde abril. A expectativa é de uma enorme evolução dos telefones celulares. Adaptação tecnológica Em entrevista à agência Reuters, a diretora da Europol, que coordena todos os esforços policiais da Europa, disse que hoje faltam ferramentas para investigar criminosos que usam ou vão usar a quinta geração de tecnologia.  Catherine De Bolle explicou que a vigilância por meio das redes 4G tem sido “uma das ferramentas mais relevantes” para forças policiais e de segurança. Mas admitiu que faltam regulamentação e tecnologia...

Leia Mais

Cresce o número de pessoas diagnosticadas com hepatite no Brasil

De acordo com o Boletim Epidemiológico de Hepatites Virais 2019, divulgado hoje, 22, pelo Ministério da Saúde, o número de pessoas diagnosticadas com casos de hepatites virais no Brasil aumentou 20% em dez anos. Em 2008, foram registrados 35.370 casos – em 2018 o número saltou para 42.383. Apesar da crescente, o levantamento apontou uma queda de 9% no total de mortes, saindo de 2.402 em 2007 para 2.184 em 2017. Hepatite A doença está relacionada com a inflamação do fígado. Ela pode ser causada por vírus, pelo uso de alguns remédios,  álcool e outras drogas, assim como por doenças autoimunes, metabólicas e genéticas. Segundo o Ministério da Saúde, são doenças silenciosas que nem sempre apresentam sintomas, mas quando estes aparecem, podem ser cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Existem, ainda, os vírus...

Leia Mais

TDAH atinge aproximadamente 2 milhões de pessoas no Brasil

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde, cerca de 4% da população adulta mundial têm o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade – TDAH. Só no Brasil, o transtorno atinge aproximadamente 2 milhões de pessoas adultas, afeta 6% das crianças e, no caso dos jovens, 69%. Muitas dúvidas e até informações incorretas ainda cercam o transtorno que, na maioria das vezes, é confundido com impulsividade. Histórico O transtorno foi descrito pela primeira vez em crianças, na literatura médica, em 1902, por um pediatra inglês. Trata-se de uma doença que conhecemos há um século, mas até hoje há dificuldade em seu diagnóstico e tratamento. Ao longo das últimas décadas, ela foi incluída na classificação internacional das doenças da Organização Mundial da Saúde e no manual de diagnóstico da associação psiquiátrica americana, ambos com critérios detalhados para considerar que alguém tenha o TDAH. Diagnóstico Embora as causas do TDAH sejam ainda desconhecidas, admite-se que resulta de uma alteração do neurodesenvolvimento....

Leia Mais

Apoio financeiro é a maior dificuldade do microempreendedor brasileiro

Entre as dificuldades enfrentadas pelo microempreendedor brasileiro, o apoio financeiro é a maior de todas. Essa foi uma das conclusões de enquete conduzida no 6º Todos Podem Empreender, maior encontro nacional de microempreendedores, promovido pela Aliança Empreendedora, que reuniu 270 empreendedores, no início de julho, em São Paulo, na Unibes Cultural. Além da dificuldade com suporte financeiro, relatada por 43% dos 73 respondentes da pesquisa, outros desafios foram apontados: divulgação do negócio (27%), conhecimento técnico (14%), burocracia (13%) e conflito com as pessoas (3%). Falta de informação A organizadora do evento e co-fundadora da Aliança Empreendedora, Helena Casanovas, afirma que apesar de existir políticas de microcrédito, muitas vezes o microempreendedor encontra dificuldade na hora de buscar informação. As micro e pequenas empresas são responsáveis por 27% do PIB (Produto Interno Bruto) do país, segundo dados do Sebrae. “Apoiar o setor, além de ajudar no crescimento individual de cada empreendedor, é investir na economia do país como um todo”, destaca. Empreender...

Leia Mais

Aplicativo com base em reconhecimento facial pode expor dados dos seus usuários

O FaceApp – ferramenta para edição e aplicação de filtros e imagens – disponível nas lojas de aplicativos Play Store (Android) e Apple Store (iOS) virou febre nos últimos dias nas redes sociais pela possibilidade de envelhecer as expressões faciais das pessoas. O programa é anunciado como uma ferramenta para melhorar fotos e criar simulações por meio de filtros. Nos modelos de edição há possibilidades de mudar cores do cabelo, aplicar maquiagem ou estilos de barba e bigode, entre outros. O sistema de inteligência artificial do app informa que pode encontrar “o melhor estilo para você”.  Contudo, seu funcionamento e suas normas internas podem abrir espaço para abuso no uso de compartilhamento dos dados de seus usuários. Política de privacidade A política de privacidade do aplicativo traz informações sobre quais dados são coletados e quais são os usos possíveis. Segundo o documento, são acessados as suas fotos e “outros materiais” quando você posta. Quais outros materiais? O documento não detalha. A empresa adota serviços...

Leia Mais