Recém-chegada no mercado, equipe faz também o coaching, capacitação e marketing digital para clientes

attitude-site-2

O momento econômico do Brasil – e do mundo – é de transição e de fluidez intensa em diversas outras esferas. Neste cenário, surge uma tendência cada vez mais comum: pessoas buscando alternativas ao trabalho tradicional, empreendendo. Logo, as empresas que já têm certo tempo de mercado precisam se renovar. Em ambos os casos, é indispensável certo tipo de organização administrativa.

É aí que entendemos a importância de uma consultoria para qualquer instituição. Ela é quem ajuda o empreendedor no planejamento e transforma ideias em ações efetivas.

Há cerca de dois anos no mercado, a Attitude Empreendedora tem o desafio de se destacar entre os muitos serviços de consultoria oferecidos por aí. Desafio este que encaram bem. Encabeçada por uma tríade – Ivania Almeida, Ivete Costa e Marcelo Henrique – a Attitude Empreededora atua por meio de quatro pilares: consultoria, marketing, coaching e capacitação.

Os três empresários receberam a equipe do Inteligência e Inovação em seu escritório, na Avenida Paulista, para falarem sobre o caminho trilhado na idealização da Attitude Empreendedora.

O COMEÇO

Em uma conversa informal sobre empreendedorismo e a mulher empreendedora, entre as irmãs Ivete e Ivania, e depois de participações de alguns eventos, surgiu a grande ideia: Por que não unirmos nossas expertises, nossas experiências de todos esses anos?”. Especialistas em marketing digital e desenvolvimento humano e consultoria organizacional,  as duas começaram de maneira simples, até que o negócio tomasse forma.

Crescidas na mesma casa, a mãe delas costumava falar “atitude” como chave de realizações: “É preciso ter atitude!”. Perceberam que essa palavra poderia ser resinificada e então intitular o novo projeto. “Faz sentido, porque a gente percebeu que o mercado tinha muitas iniciativas, pensamentos, muitas vontades e ideias e pouca atitude, de fato – atitude de fazer, atitude de correr atrás e por em prática uma série de coisas que são ideias na cabeça fervilhando. Então, fazia sentido unir essas duas coisas: o que tínhamos como orientação familiar, da nossa mãe, e fazia sentido pro negócio que a gente estava pensando em montar”, conta Ivania.

A partir daí, elas começaram com palestras, eventos e logo na sequência entrou o Marcelo que, com experiência em consultoria de eficiência operacional e gestão de projetos e melhoria de processos, chegou para compor essa tríade, em julho de 2016. “Quando eu cheguei,ajustamos o modelo para que as competências ficassem mais destacadas e montamos outras linhas de produtos. Fizemos um trabalho forte de entender nossas competências, entender os produtos que poderíamos oferecer, e traçar uma estratégia de como iriamos atuar, como criaríamos reputação. Então foi um trabalho de construção de praticamente seis meses em que conseguimos chegar no modelo que temos hoje”, relata Marcelo.

O TRABALHO

_dsc0980-copia-copy-2

Tríade da Attitude: Ivete Costa, Ivania Almeida e Marcelo Henrique

O trabalho da Attitude Empreendedora é feito por meio de quatro pilares:

Consultoria – Buscar a construção da eficiência comercial, gestão de projeto estratégicos, mapeamento e melhoria de processos e desenho de soluções estruturadas. Além da construção, o objetivo é também ajudar quem está começando a colocar a ideia no papel em um segundo momento auxiliar quem começou a se estruturar e crescer o planejado. Com o trabalho de consultoria é possível aumentar a eficiência, vender mais e gastar menos.

Marketing – Mostrar como é possível usar bem o dinheiro para apresentar a empresa ao mercado. Organizar um plano estratégico para que o empreendedor saiba qual o retorno, onde o público alvo dela está, que tipo de linguagem usar para abordar. “Para isso, oferecemos o Planejamento estratégico de marketing, onde pode ser trabalhado conteúdo, mídias sociais, e-mail marketing, presença digital, além da construção de canais de interação das empresas com os clientes e, caso necessário, ajudar na operacionalização da estratégia”, relata Marcelo.

Coaching – “A Ivete é nosso diferencial. Toda a parte humana é ela quem dá o direcionamento, é como dizemos: não dá pra ter uma caixinha pessoal e uma profissional. Atitude tem muito a ver com comportamento. A Ivete trabalha a integralidade das pessoas”, conta Marcelo. É a parte de relacionamentos humanos, perfil de pessoas, análise de ambiente e comportamento de pessoas.

Capacitação – “Usamos nossas expertises para gerar conteúdo relevante, e usamos  como estratégia para chegar até nossos potenciais clientes, pois acreditamos que só podemos crescer através do crescimento dos clientes e parceiros e multiplicar conhecimentos ajuda nessa estratégia”, destaca Marcelo.

A ideia da Attitude é não gerar dependência nos clientes, mas sim capacitá-los para enfrentar os desafios que se apresentem. “A ideia é sempre essa: Quando eu finalizamos um trabalho com o cliente, ele estará capacitado para continuar sua jornada e resolver problemas similares sozinho no futuro”, conta Ivete.

Para mais informações sobre a Attitude Empreendedora, visite o site: www.attitudeempreendedora.com.br.