Robôs têm como objetivo auxiliar o trabalho dos carteiros e cobrir áreas não exploradas

Foi anunciado pela Swiss Post, o serviço de correios da Suíça, que, a partir do mês de setembro, a empresa iniciará testes com robôs para a entrega de pacotes. Os robôs, que prometem agilizar a entrega de pacotes, serão controlados de forma autônoma até o destino da entrega e estarão programados a desviar de possíveis obstáculos pelo caminho, devido ao seu sistema GPS integrado e um sistema de reconhecimento visual do entorno, mediante o uso de câmeras. Todavia, durante o período de teste, os robôs serão acompanhados por um funcionário da Swiss Post, que analisará o funcionamento dos mesmos e possíveis upgrades.

Foto Lukas Lehmann- Keystone via AP

Foto: Lukas Lehmann- Keystone via AP

O robô-entregador, que poderá carregar até dez quilos por no máximo seis quilômetros, tem como objetivo auxiliar o trabalho dos carteiros e cobrir áreas não exploradas por eles. “No futuro, os robôs entregadores poderiam complementar as atuais soluções logísticas de entrega e trabalhar no trecho que atualmente não é coberto”, esclarece a Swiss Post em comunicado à imprensa. Trafegando com a mesma velocidade média de uma caminhada, os robôs circularão em áreas destinadas aos pedestres, como calçadas.

Segundo a empresa, a previsão para que a ideia seja colocada em prática é de cerca de três anos, caso os testes sejam bem sucedidos. As cidades pioneiras na utilização do serviço serão a capital administrativa da Suíça, Berna, e o município de Biberist. As entregas, a princípio, serão de pequenas encomendas, como alimentos e produtos médicos.

Fonte: EFE