Novo método já está disponível para usuários selecionados

Desde julho de 2016, o Uber tenta atrair um maior público abrindo o seu leque de opções de pagamento. Primeiro, o aplicativo de transporte privado urbano passou a aceitar dinheiro e, depois, cartões de débito. Agora, é realizado um novo teste para o uso de boletos pós-pagos. Especula-se que essa nova medida seja uma tentativa de melhorar a segurança dos passageiros e motoristas, depois de alguns problemas com o pagamento em dinheiro terem sido identificados – o principal deles o aumento no número de furtos.
Os usuários selecionados receberam um email com o título “Quer pagar suas viagens de um jeito diferente?”, que os convidava a participar do teste e explicava o novo sistema. Cada um obteve um limite de R$50,00 a ser utilizado em corridas até o dia 22 de outubro. Três dias depois dessa data, eles receberão um boleto com o valor total que foi gasto. Essa opção também parece ser ótima para quem não tem cartão de crédito, mas deseja quitar o serviço apenas no fim do mês.
Para prevenir os calotes, quem decidiu participar dos testes precisou realizar um cadastro mais completo do que o original, com dados como endereço, RG e CPF.
De acordo com a assessoria de imprensa do Uber, ainda não há previsão para expansão da nova funcionalidade.