quem-inova-Nanobiostress1Uma empresa paulista criou um dispositivo para facilitar o exame de sangue, que promete revolucionar o procedimento que ainda hoje é inconveniente e dispendioso. A ideia é evitar o deslocamento até um pronto socorro, laboratório ou hospital e diminuir a criação de novos resíduos médicos e o risco de uma contaminação.

O novo processo, Nanobiostress, será tão simples quanto uma fotocópia e menos demorado que os exames atuais. Basta tocar o aparelho e ter o resultado detalhado do seu exame. Sem agulha, sem dor e sem lixo, promete a startup.

Trata-se de um aparelho capaz de coletar informações da camada subcutânea da pele por meio de um raio infravermelho. De fácil transporte, o invento oferece múltiplas respostas que permitem um diagnóstico preciso em minutos.

O dispositivo já passou pela fase de teste, agora busca recursos no site de financiamento coletivo Kickante e aguarda a validação junto aos órgãos reguladores.